Pesquisar
Close this search box.
Weather Data Source: El tiempo a 25 días

Gabigol, do Flamengo, é suspenso por dois anos por tentar fraudar antidoping

Gabigol comemora o gol que fez dele o maior artilheiro brasileiro da Libertadores Crédito: Reprodução/Twitter CONMEBOL Libertadores
Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do Ecos da Notícias.​

O atacante Gabriel Barbosa, o Gabigol, do Flamengo, foi suspenso por dois anos pela tentativa de fraude em um exame antidoping. O julgamento foi realizado nesta segunda-feira (25) pela Justiça Desportiva Antidopagem.


Na última segunda-feira (18), a sessão que julgava a denúncia em relação a Gabigol terminou sem sentença. O julgamento teve início às 14h e, às 19h (de Brasília), o Tribunal determinou a paralisação da sessão. Gabigol deu seu depoimento. O Flamengo e o corpo jurídico acompanham o caso.


A denúncia pela Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva Antidopagem foi realizada em 21 de dezembro de 2023 e é referente a evento no dia 8 de abril de 2023, véspera da segunda partida do Carioca, contra o Fluminense.


Relatos de desrespeito de Gabigol

O documento traz relatos de desrespeito de Gabigol aos responsáveis pela coleta dos exames e aos procedimentos corretos. Segundo os profissionais, o atleta mostrou irritação “por estar sempre na lista de jogadores que realizam o exame”.


O Código Brasileiro de Antidopagem previa a suspensão de até quatro anos em caso de condenação para o artigo 122, que refere-se à “fraude ou tentativa de fraude de qualquer parte do processo de controle”.


A informação sobre a suspensão de Gabigol foi antecipada pelo “ge” e confirmada pela Itatiaia.


Relembre o caso Gabigol

Em 8 de abril, técnicos da Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD) foram até o Ninho do Urubu, CT do Flamengo, para realizar exame antidoping surpresa em alguns jogadores, praxe no trabalho da autoridade.


Gabigol, segundo a denúncia apresentada pela procuradoria, não gostou de ter sido sorteado e dificultou o trabalho dos profissionais.


Ele não teria feito a coleta quando solicitado, indo almoçar antes, teria se irritado quando foi acompanhado ao local para urinar e não teria lacrado o recipiente, como pede o protocolo. O caso foi relatado pelos oficiais à ABCD, que fez o repasse das informações à procuradoria, para investigação.


Gabigol, por meio de nota, disse que o exame foi feito e apresentou resultado negativo. Ele também negou qualquer tentativa de fraude.


Veja a nota de Gabigol

O atleta Gabriel Barbosa, sua família e staff tomaram conhecimento da matéria publicada nesta sexta-feira (22) pelo site Globo.com.


O jogador do Flamengo vem a público confirmar que o exame foi realizado e o resultado apurado já deu negativo. Diante de tal informação, não há nada que possa ferir ou infringir as normas protocolares. Reiteramos que, em nenhum momento, o atleta tentou fraudar o exame.


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn

Últimas notícias

Últimas Notícias