Weather Data Source: El tiempo a 25 días

Em áudio vazado, deputado diz que governo tem “estratégia” para tirar voto de Gerlen e beneficiar Mazinho Serafim

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do Ecos da Notícias.​

Secretário-adjunto de governo nega conversa com deputado Pablo Bregense e afirma que nunca falou com ele ou qualquer outra pessoa sobre eleições no interior: “O único para quem eu peço apoio é o Alysson”.


Um áudio vazado na tarde desta segunda-feira, 22, em grupos de whatsapp demonstra explicitamente que o Palácio Rio Branco e até mesmo o próprio Partido Progressista, sigla do governador Gladson Cameli, estaria supostamente trabalhando para minar a candidatura do deputado federal Gerlen Diniz na disputa pela prefeitura de Sena Madureira nas eleições de 2024.


Na mensagem de 37 segundos, o parlamentar do PSD, que pertence a base de apoio do governo do Estado na Assembleia Legislativa, fala a respeito de uma conversa que teve com o secretário-adjunto de governo, Luiz Calixto. Segundo Bregense, Calixto insistiu com ele para que o mesmo se lançasse candidato a prefeito de Sena Madureira e caso agisse assim, o deputado ficaria mais “próximo do governador”.


No áudio, Bregense diz que alegou não ter chances de vencer a disputa, mas que o objetivo do assessor governamental não seria a vitória do mesmo, e sim “atrapalhar” uma possível candidatura do deputado federal Gerlen Diniz a prefeitura de Sena Madureira, beneficiando, portanto, o candidato do atual gestor, Mazinho Serafim, o vereador Alipio Gomes. Ainda segundo Pablo, possivelmente irão usar o vereador Elvis Dany (MDB) para colocar em prática essa estratégia.


O ac24horas procurou o deputado para que ele confirmasse o teor do áudio. Por mensagem de texto, enquanto viajava de avião de Brasília para Rio Branco, o parlamentar confirmou a autenticidade do arquivo, porém afirmou apenas ser uma conversa aleatória vazada por alguém que quer prejudicar o seu mandato de deputado. “Se trata de uma conversa aleatória, sem qualquer tipo de fundamentação concreta, trocada com uma pessoa que, naquela época, parecia ser de confiança, mas que hoje usa de má-fé para tentar macular o nosso mandato perante o povo de Sena e se promover politicamente”, explicou Bregense se negando a revelar quem seria o autor do vazamento do áudio. “Não quero promover esse cidadão”, pontuou.


Já o secretário Luiz Calixto foi incisivo ao negar qualquer estratégia ou até mesmo conversa com o deputado sobre o pleito de Sena Madureira. “Nunca conversei com o deputado a respeito de candidaturas no interior. Não estimulo candidaturas. Nem com ele e nem com qualquer outro parlamentar. O único candidato que eu apoio é o Alysson Bestene e somente isso”, disse Calixto.


Evitando criar atrito com o aliado, Calixto afirmou que ao tomar conhecimento do assunto pela reportagem, ligou para Bregense, que teria dito a ele que ‘uma vez ele teria sido perguntado se ele não tinha vontade de ser candidato a prefeito, não?’. Ele alega umas brigas lá de Sena, mas para o seu jornal eu reafirmou o que eu disse, nunca tratei com ele sobre esse assunto. Não estímulo candidaturas. O Pablo é um bom aliado, vota com o governo em todas as pautas”, frisou o secretário.


O deputado Gerlen Diniz também foi procurado pelo ac24horas para comentar sobre o assunto e afirmou que “possíveis armações com o fim de me prejudicar politicamente não me surpreendem, pois tem sido uma rotina constante desde minha eleição de vereador”. “Vou continuar meu trabalho de parlamentar federal com a mesma garra e determinação na defesa dos acreanos. Quanto a uma possível candidatura a prefeito de Sena Madureira, ainda não fiz nenhum anúncio a esse respeito, mas fico muito grato pelo reconhecimento da população demonstrado nas pesquisas eleitorais que me colocam como favorito na disputa”, disse o parlamentar, evitando polemizar com aliados do governo.


 


OUÇA O ÁUDIO:


WhatsApp Audio 2024-01-23 at 14.18.34


 


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn

Últimas Notícias

plugins premium WordPress