Pesquisar
Close this search box.
banner ofertas fim de semana do churrasco atacale 12a14 07 ac

Empate em 1 a 1 ameaça Vasco de entrar no Z4 e impede Botafogo de ser líder

Vasco e Botafogo se enfrentaram em São Januário pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro Imagem: Vitor Silva / Botafogo

Vasco e Botafogo ficaram no 1 a 1 em São Januário e o resultado não foi bom para nenhuma das duas equipes. O Cruzmaltino, a depender das outras partidas da rodada, pode terminar na zona de rebaixamento. Já o Alvinegro perdeu a chance de assumir a liderança do Campeonato Brasileiro.


O Vasco foi para 11 pontos e pode ser ultrapassado por Atlético-GO e Corinthians. Os goianos têm dez e os paulistas, nove. Ambos ainda jogam neste domingo.


O Botafogo foi aos 24 pontos e ainda pode ver Bahia e Palmeiras o ultrapassarem. Os baianos também têm 24 e os paulistas 23 com um gol a menos de saldo.


Estrella se lesiona no início – O jovem meia de 19 anos sofreu uma lesão com apenas dez minutos do primeiro tempo e precisou ser substituído por Payet.


Vacinação – O SUS montou uma tenda dentro de São Januário e aplicou vacinas gratuitas tanto para gripe quanto para Covid aos torcedores do Vasco.


Próximos jogos – O Vasco recebe o Fortaleza, na quarta (3), em São Januário (RJ). O Botafogo, no mesmo dia, visita o Cuiabá, na Arena Pantanal (MT). Ambos os jogos são pelo Campeonato Brasileiro.


O jogo


O primeiro tempo foi marcado por um jogo truncado, com muitas divididas e poucas oportunidades claras de gol para ambas as equipes. Sem David, suspenso, o técnico Rafael Paiva “dobrou” a lateral esquerda, colocando Lucas Piton como um ponta e Victor Luis de lateral mais defensivo. O time ganhou volume de jogo, mas faltava qualidade para chegar. O Botafogo, por sua vez, tinha mais posse de bola, mas também tinha dificuldade na penetração e não soube explorar os espaços deixados pelo Vasco entre o meio de campo e a defesa. O Alvinegro tentou mais as bolas alçadas e os chutes de fora da área, mas apenas um de Eduardo, levou perigo.


No segundo tempo, o jogo ficou bem mais interessante, com as equipes se soltando mais, abrindo mais espaços e criando mais oportunidades. O Vasco passou a gostar do jogo e não diminuiu o ritmo nem quando Payet saiu, algo já planejado pela comissão técnica. O Botafogo, porém, foi mais efetivo e abriu o placar em uma das especialidades da casa: Bastos, de cabeça. O Vasco, no entanto, também usufrui deste artifício e igualou a partida exatamente da mesma maneira, com seu artilheiro Vegetti.


Gols e lances


Que fatiada! – Payet demonstrou toda sua categoria aos 28 minutos do primeiro tempo, quando deu um passe quase como um voleio, rasteiro, e deixou Paulo Henrique em boas condições de penetrar na área, mas o lateral direito se embolou com a bola e a perdeu.


Léo Jardim defende! – A primeira boa chegada do Botafogo foi somente aos 45 minutos do primeiro tempo, quando Eduardo experimentou da intermediária e Léo Jardim fez uma grande defesa.


Vasco chega com perigo – O Vasco chegou com perigo no início do segundo tempo, quando Adson recebeu bom lançamento, invadiu a área e cruzou. Vegetti, porém, não estava bem posicionado e perdeu uma excelente chance, já que o goleiro John já estava deslocado.


Gol do Botafogo! – O Botafogo abriu o placar aos 28 minutos do segundo tempo, após um escanteio da direita que encontrou Bastos, o zagueiro-artilheiro, que mais uma vez subiu mais alto que a zaga e cabeceou para o fundo do gol.


Vasco empata! – O Vasco empatou dez minutos com ele, sempre ele: Pablo Vegetti. Após cruzamento da esquerda, o Pirata se posicionou bem e, ao seu estilo, de cabeça, igualou a partida.


VASCO 1 X 1 BOTAFOGO


Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Data e hora: 29 de junho de 2024, às 18h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Ramon Abatti Abel
Auxiliares: Alex Ang Ribeiro e Gizeli Casaril
VAR: Wagner Reway
Cartões amarelos: Victor Luis, Hugo Moura (VAS); Bastos, Gatito Fernández, Júnior Santos (BOT)
Cartões vermelhos: Nenhum
Gols: Bastos, aos 28 minutos do segundo tempo (BOT); Vegetti, aos 38 minutos do segundo tempo (VAS)


Vasco: Léo Jardim, Paulo Henrique, João Victor, Maicon e Victor Luis (Zé Gabriel); Hugo Moura (Erick Marcus), JP (Rayan) e Estrella (Payet) (Sforza); Lucas Piton, Adson e Vegetti. Técnico: Rafael Paiva (interino)


Botafogo: John, Damián Suárez, Lucas Halter, Bastos e Cuiabano; Gregore, Marlon Freitas e Tchê Tchê (Júnior Santos); Luiz Henrique (Kauê), Eduardo e Tiquinho Soares (Óscar Romero). Técnico: Artur Jorge.


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
banner ac4h

Últimas Notícias