Pesquisar
Close this search box.
banner ac4h

Calleri desencanta, São Paulo vence com sobras e ‘derruba’ Bahia de Ceni

Ferreirinha comemora segundo gol do São Paulo Imagem: Marco Miatelo/Marco Miatelo/AGIF

Mesmo sem Zubeldía no banco de reservas, o São Paulo está novamente em ascensão no Campeonato Brasileiro. Neste domingo (30), a equipe paulista venceu o Bahia por 3 a 1 e agitou as arquibancadas do MorumBis, que recebeu mais de 49 mil torcedores no reencontro com Rogério Ceni.


Calleri marcou depois de cinco jogos de seca, e Ferreirinha ampliou na 1ª etapa. Gilberto diminuiu no início do 2º tempo, enquanto Luciano decretou a vitória.


Com o resultado, o Tricolor Paulista foi aos 21 pontos e alcançou a 5° posição na tabela. Por outro lado, o Bahia saiu da vice-liderança. A equipe comandada por Ceni tem os mesmos 24 pontos do Botafogo, mas sofre desvantagem no saldo de gols, além de ter a sequência de duas vitórias interrompida.


Os times voltam a campo no meio de semana pelo Brasileirão. O São Paulo visita o Athletico-PR, em Curitiba, na próxima quarta-feira (3). Já o Bahia recebe o Juventude na quinta (4), em Salvador.


Como foi o jogo


O São Paulo sofreu um susto logo no primeiro minuto de bola rolando, com uma falha na saída de bola de Jandrei, mas logo recuperou o controle da partida. Marcando firme a saída de bola do Bahia, o time mandante foi criando boas oportunidades. Até que, aos 29 minutos, Calleri abriu o placar numa finalização forte da intermediária. Aos 31, Ferreirinha aproveitou passe longo de Luciano para tocar na saída do goleiro e ampliar.


O ritmo do Tricolor Paulista caiu nos primeiros minutos da 2ª etapa, e o Bahia diminuiu o placar com um golaço de Gilberto. No entanto, a festa dos visitantes durou pouco. Aos 19, Luciano aproveitou a sobra de uma jogada individual de Ferreirinha dentro da área e tocou no cantinho do gol de Marcos Felipe.


Reencontro com Ceni


No retorno de Rogério Ceni ao MorumBis, o treinador do Bahia foi tietado por torcedores e funcionários do São Paulo. Ceni tirou fotos, distribuiu autógrafos e até viu os fãs formarem fila para receberem um abraço.


As cenas de carinho se repetiram também dentro do gramado. O ídolo são-paulino foi abraçado e cumprimentado por basicamente todos os os atletas do time da casa.


Gols e destaques


Toca no Calleri que é gol. Luciano ultrapassou os adversários e acionou Igor Vinícius. O lateral cruzou na medida para Calleri bater sem dó e inagurar o placar. O atacante ainda fez um golaço de fora da área na segunda etapa, mas o VAR anulou por um impedimento no lance.


Uh é Ferreirinha! Ferreira recebe lançamento longo de Luciano e toca na saída de Marcos Felipe com muita categoria. O lance em praticamente dois toques foi um dos mais bonitos do jogo.


Gilberto desencanta. Logo no início do segundo tempo, o Bahia aproveitou a desatenção do time da casa para diminuir o placar. Everaldo recebeu um bom passe e acionou Everton Ribeiro, que dominou a bola dentro da pequena área. O meia bateu, mas Jandrei estava atento. Na sequência, Gilberto pegou o rebote para ampliar.


Luciano inspirado. Luciano estava em um dia muito inspirado. Além de distribuir bem o jogo e caprichar nas assistências, o camisa 10 aproveitou uma linda jogada individual de Ferreirinha para ampliar o marcador. O atacante costurou dentro da área visitante e rolou para Luciano, que só tocou no cantinho.


Arboleda salva. O Bahia teve uma chance clara de gol, em uma chance com Everaldo. O atacante ficou cara a cara com Jandrei, mas Arboleda fez o desarme no momento certo, e a bola foi para a linha de fundo.


Jandrei renasce. O goleiro tricolor, vaiado na última partida contra o Criciúma, fez boas defesas e caiu nas graças da torcida. Após uma defesa espetacular nos acréscimos, a torcida levantou para gritar seu nome.


FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 3×1 BAHIA
Data e horário: 30 de junho de 2024, às 16h (de Brasília)
Competição: 13ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: MorumBis, em São Paulo (SP)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique
Assistentes: Renan Aguiar da Costa e José Moracy de Sousa e Silva
VAR: Helton Nunes
Cartões amarelos: Luciano, Alisson e Ferreirinha (SPO), Kanu (BAH).
Público: 49.037 pessoas
Gols: Calleri (SPO), 29 min do 1º tempo; Ferreirinha (SPO), 31 minutos do 1º tempo; Gilberto (BAH), 2 minutos do 2º tempo; Luciano (SPO), 19 minutos do 2º tempo.


SÃO PAULO: Jandrei; Igor Vinícius (Diego Costa), Arboleda, Alan Franco e Welington (Patryck); Luiz Gustavo, Alisson, Lucas (Juan), Luciano (Wellington Rato) e Ferreirinha (Michel Araújo); Calleri. Técnico: Maxi Cuberas


BAHIA: Marcos Felipe, Gilberto, Gabriel Xavier, Kanu e Luciano Juba; Caio Alexandre (Rezende), Everton Ribeiro, Jean Lucas (Biel) e Cauly (Ademir); Thaciano e Everaldo (Estupiñán). Técnico: Rogério Ceni


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
banner ac4h

Últimas Notícias