Pesquisar
Close this search box.
Weather Data Source: El tiempo a 25 días

Libertadores: Flamengo fica no empate contra o Millonarios

Lance de Millonarios 1 x 1 Flamengo pela Libertadores Andres Rot/Getty Images
Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do Ecos da Notícias.​

Depois de 12 jogos de defesa intransponível, o Flamengo voltou a sofrer um gol, nesta terça-feira (2), no empate em 1 a 1 com o Millonarios, na Colômbia, pela primeira rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América.


E não foi por falta de aviso. O time colombiano teve boas chances de marcar ainda no primeiro tempo, com direito a bola na trave e boas defesas de Rossi no estádio El Campín.


Na etapa final, o Flamengo abriu o placar em pênalti convertido por Pedro aos 18 minutos do segundo tempo. No lance, Larry Vásquez foi expulso pela falta em Arrascaeta.


Mesmo com um a menos, o Millonarios foi valente e buscou o empate em casa com Daniel Ruiz, aos 35 minutos da etapa final, completando bela jogada individual Emerson Rodríguez.


Com isso, Flamengo e Millonarios começam a Libertadores com um ponto no grupo E. Bolivar e Palestino ainda se enfrentam na rodada.


Que isso, Viña!

O Flamengo precisou de poucos minutos para ficar cara a cara com o goleiro do Millonarios. Logo aos quatro minutos, em jogada com os pontas Cebolinha e Bruno Henrique, Viña apareceu como centroavante. Livre na pequena área, o lateral-esquerdo bateu de pé direito e mandou longe, por cima da meta de Montero.


Foi a grande chance, mas não a única. Aos 12, BH ficou com o rebote após a zaga desarmar Arrascaeta e chutou forte para a difícil defesa do camisa 31 colombiano.


Millonarios toma conta

A partir dos 15 minutos, o Flamengo acabou envolvido pelo time da casa. As mudanças de Tite – que mexeu em quatro posições – pesaram, assim como a questão física. O Millonarios se impôs e, aos poucos, tomou conta da partida. Aos 36, Castro acertou a trave de Rossi e por pouco não abriu o placar.


Os melhores momentos dos donos da casa foram pelo lado direito de ataque. Cataño, Giordana e Alfonzo subiram por ali e dificultaram a vida de Viña – que não teve boa atuação. Os dois primeiros citados também ameaçaram a meta do Flamengo, mas não conseguiram mexer no marcador antes do intervalo.


Pênalti, expulsão e gol de Pedro

Com a entrada de Allan no lugar de Igor Jesus, o Flamengo voltou com maior pegada no meio de campo e conseguiu conter o ímpeto dos locais na volta para o segundo tempo. O jogo seguiu sem grandes emoções até os 15 minutos, quando Arrascaeta foi derrubado dentro da área.


Além do pênalti, o árbitro Darío Herrera expulsou Vázquez, que empurrou o camisa 14 do Flamengo após passe de Pulgar. Na cobrança, Pedro mostrou a categoria habitual e colocou o Rubro-Negro em vantagem no El Campín: 1 a 0. Minutos depois, Tite o substituiu por Luiz Araújo.


Com um a menos, Millonarios empata!

As mudanças que foram decisivas foram as feitas por Alberto Gamero. O técnico acionou Emerson Rodríguez e Daniel Ruiz aos 32 minutos. A dupla precisou de três minutos em campo para decidir. O primeiro aproveitou o erro de Pulgar, o driblou e cruzou na medida para o segundo empatar: 1 a 1 aos 35!


O Millonarios, mesmo com um jogador a menos, conseguiu o que nenhum time havia feito em 2024 contra o time principal do Flamengo: marcar um gol.


Nos minutos finais, o time de Tite até retomou a posse de bola, mas foi o time da casa que marcou voltou a marcar, mas Rossi fez intervenções importantes.


Millonarios-COL x Flamengo

Millonarios-COL


Montero; Alfonzo, Paz, Vargas e Hernández; Giraldo, Vásquez, Cataño (Daniel Ruiz) e Silva (Beckham Castro); Giordana (Emerson Rodríguez) e Leonardo Castro (Juan Pereira) – Técnico: Alberto Gamero.


Flamengo


Rossi; Varela (Evertton Araújo), Fabrício Bruno, David Luiz e Viña (Ayrton Lucas); Erick Pulgar, Igor Jesus (Allan) e Arrascaeta; Bruno Henrique, Everton Cebolinha e Pedro (Luiz Araújo)  Técnico: Tite.


Gols: Pedro (15’/2ºT), do Flamengo, e Daniel Ruiz (35’/2ºT), do Millionarios.
Cartão amarelo: Leonardo Castro (MIL); Luiz Araújo (FLA)
Cartão vermelho: Não houve.


Motivo: Jogo da 1ª rodada do Grupo E da Copa Libertadores
Local: El Campín, Bogotá, Colômbia
Data e hora: 2 de abril de 2024, às 19h (de Brasília)


Árbitro: Darío Herrera (ARG)
Auxiliares: Ezequiel Brailovsky (ARG) e Facundo Rodríguez (ARG)
Arbitro de vídeo: Silvio Trucco (ARG)


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn

Últimas notícias

Últimas Notícias