Pesquisar
Close this search box.
cedimp otimizado ezgif.com gif to avif converter

Fotógrafo registra passagem do “Cometa do Diabo” pelo céu do Brasil; veja imagens

cometa do diabo rs2
Fotografia feita pelo astrofotógrafo Gabriel Zaparolli mostra passagem do "Cometa do Diabo" pelo céu de Torrer (RS) Foto: Gabriel Zaparolli

Desde o domingo (21), o cometa 12/Pons-Brooks está ainda mais visível no céu do Brasil. Por estar em seu ponto mais próximo do Sol, observadores na Terra com boas condições climáticas podem ter uma visão privilegiada do corpo celeste que ganhou o apelido de “Cometa do Diabo” pela estrutura em forma de chifres que aparenta ter.


No último sábado (20), o fotógrafo especializado em imagens astronômicas Gabriel Zaparolli conseguiu fazer um registro da passagem do cometa no céu de Torres (RS).


Na imagem, uma composição feita com cerca de 180 fotografias, o cometa surge sobre o morro da Guarita, atração turística da cidade litorânea.


“No inicio da noite fui até o morro das Furnas pela parte sul, que fica na praia da Guarita em Torres, para realizar uma composição entre os dois morros da Guarita juntamente com o cometa 12P/Pons-Brooks na mesma imagem”, conta Zaparolli à CNN.


“Montei o tripé e preparei a câmera, uma Sony A7s2 com uma lente Sony Fe 50mm f/1.8. Após tudo preparado, comecei a registrar cerca de 180 imagens para fazer empilhamento e obter resultados da cauda do cometa e melhor nitidez da foto”, diz o astrofotógrafo que também é um caçador de tempestades.


“Assim saiu esse registro incrível do cometa e a Guarita. Uma imagem que eu buscava há muito tempo, praticamente um sonho realizado”, conta.


Profissionais do Observatório de Astronomia da Unesp (Universidade Estadual Paulista) também conseguiram fazer registros do cometa em uma localização a cerca de 50 km de Bauru (SP), na área rural da cidade de Paulistânia (SP). As fotos foram feitas em 19 de abril.


Fotografia do “Cometa do Diabo” feita na área rual de Paulistânea (SP) (crédito: Rodolfo Langhi e Patricia Langhi/Unesp)

Entusiastas de astronomia ainda têm alguns dias para ver o cometa em seu período de maior brilho. O Brilho máximo deve ser atingido no dia 23 de abril.


Onde e quando ver o “Cometo do Diabo”?

Para tentar avistar o Cometa do Diabo, os observadores devem olhar na direção oeste, próximo ao horizonte, pouco após o pôr do Sol, momento no qual o cometa deve estar mais visível.


Em abril, o Cometa do Diabo estará abaixo da constelação de Touro e, em maio, abaixo da constelação de Órion.


O horário em que o corpo celeste se tornará visível varia conforme a região do Brasil por conta da diferença da hora em que o Sol se põe.


Na região Norte, o cometa deve permanecer visível até por volta das 19h50 no Acre, porque o estado está localizado no extremo oeste do país. Já no litoral Nordeste, estremo leste do país, o cometa deve ficar visível entre 17h45 e 18h20.


Por estarem mais próximos da Linha do Equador, Norte e Nordeste terão a chance de observar o corpo celeste a uma altura melhor do que o restante do Brasil, já que o cometa deve aparecer bem próximo à linha do horizonte.


App mostra onde está o cometa em tempo real

Se você quiser poupar o tempo de procurar pelo corpo celeste, ou garantir que está mesmo vendo o cometa, também é possível achá-lo com a ajuda do aplicativo de astronomia Sky Tonight – Mapa de Estrelas.


Baixe o aplicativo Sky Tonight – Mapa de Estrelas;


Inicie o aplicativo e permita que ele use sua localização;


Toque no ícone da lupa no canto inferior esquerdo da tela e busque por “12P/Pons-Brooks” na barra de pesquisa;


Toque no alvo à direita do resultado desejado e o aplicativo mostrará a localização do cometa no mapa do céu;


Toque no botão da bússola no canto direito ou siga a direção da seta branca até ver o cometa na tela;


Então basta procurar o cometa no céu naquela direção.


Veja imagens do “Cometa do Diabo”

Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
posto village ezgif.com gif to avif converter

Últimas Notícias