Weather Data Source: El tiempo a 25 días

Laudo médico da Polícia Civil confirma que mulher grávida foi morta por estrangulamento

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do Ecos da Notícias.​

As suspeitas da polícia foram confirmadas através do laudo do médico legista da Polícia Civil, onde apontou que Luzia Costa, de 42 anos, então grávida de 8 meses, foi morta por estrangulamento no bairro da Conquista, no último dia 1° de janeiro de 2023, na capital. A informação foi divulgada pela delegada Kelcimara Firmino a TV 5 na manhã desta segunda-feira, 8.


SAIBA MAIS:


Mulher grávida é encontrada morta ao lado do namorado após virada do ano


Suspeito de matar grávida em Reveillon tem passagens pela polícia por violência doméstica


O principal suspeito pela morte de Luzia Costa, tem passagens pela polícia por violência doméstica. David de Oliveira Rodrigues é considerado foragido e é procurado pela desde a madrugada de 1º de janeiro como o principal suspeito pela morte da mulher. “A polícia está toda empenhada para localizar o autor e concluir as investigações”, declarou Firmino.


O advogado do suspeito, Romano Gouveia, contou na última semana que Rodrigues havia sido agredido e se posicionou pela inocência do seu cliente.


Após a mulher ter sido encontrada morta, uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e levou a mulher já sem vida para o necrotério do pronto-socorro de Rio Branco, Apenas após a chegada do corpo no Instituto Médico Legal (IML) a família foi informada sobre as marcas de enforcamento encontradas em Luzia.


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn

Últimas notícias

Últimas Notícias

plugins premium WordPress