Pesquisar
Close this search box.
970x250

Trans Acreana abandona passageiros em Feijó por conflito na venda de assentos

A jovem Sinara Damasceno de Lima, de 22 anos, acusa um motorista da empresa Trans Acreana de abandonar três passageiros no município de Feijó, interior do Acre, após um conflito na venda de poltronas. O caso teria acontecido no último domingo, 3.


Segundo Francineide da Silva Damasceno, mãe de Sinara, por volta do meio dia de ontem, a filha comprou de um motorista, em Tarauacá, três passagens para o ônibus que saía de Cruzeiro do Sul em direção à Rio Branco.


Por volta das 14 horas, quando o veículo chegou a Tarauacá, os três passageiros embarcaram e seguiram viagem normalmente até Feijó, onde o motorista teria, de acordo com Francineide, pedido que os três se retirassem do ônibus porque suas poltronas já tinham sido vendidas por representantes da empresa em Feijó.


Dessa forma, o motorista devolveu o valor proporcional das passagens relacionados aos trechos de Feijó a Rio Branco, que não foram cumpridos, e teria deixado os passageiros na rodoviária do município, sem hospedagem e alimentação. Sinara, que comprou as passagens, gravou um vídeo do momento em que o ônibus partia de Feijó. “O ônibus está saindo agora e nós estamos ficando aqui”, disse.


Por conta do ocorrido, a família de Sinara teve que se mobilizar para disponibilizar um carro para continuar a viagem, já que a jovem e os outros dois passageiros precisavam seguir viagem até o Peru.


A empresa Trans Acreana foi procurada pelo ac24horas para responder sobre o assunto, mas ainda não houve retorno. O espaço segue aberto para a manifestação.


Veja o vídeo:


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
192882c8aaa53f9b4e234a4553bdad21

Últimas Notícias