Pesquisar
Close this search box.
1200 x 250 agnot

Servidores ambientais repudiam ironia de Bittar sobre greve

Recentemente, o senador Marcio Bittar (União) ironizou nas redes sociais a declaração de greve pelos servidores ambientais federais em todo o país. Compartilhando notícias de jornais sobre o movimento, o parlamentar postou: “o agronegócio agradece e pede que não dure muito. Só uns 10 anos tá bom”. Em janeiro, ele já havia provocado: “Ibama e ICMBio em greve… a Amazônia agradece”.


Em resposta, a Associação dos Servidores do Ibama e do ICMBio no Acre (Asibama/AC), que realizou movimento de greve no estado na última segunda-feira, 24, divulgou nota repudiando as afirmações do senador e afirmando que “para criminosos quanto menos os dois órgãos ambientais trabalharem, melhor”.


“Para os criminosos, quanto menos Ibama e ICMBio trabalharem, melhor, mesmo que isto custe morte e sofrimento devido às mudanças climáticas, ao câncer causado pelos agrotóxicos, ao empobrecimento das famílias expulsas, à morte e adoecimento de crianças e idosos pela fumaça e pelo calor. O importante é o dinheiro no bolso”, afirma a nota.


A Asibama/AC afirma que boa parte dos “amigos latifundiários do agronegócio” praticam crimes e irregularidades ambientais, como desmatamento, queimadas, incêndios, uso exagerado e irregular de agrotóxicos, coação e expulsão de populações tradicionais e pequenos
produtores.


img 5199

img 5199

“A luta pela melhoria da carreira das servidoras e servidores do Ibama e ICMBio tem sido justa e necessária. São 10 anos de sucateamento da carreira e dos institutos, que trabalham para que gente destrutiva e inconsequente não destrua o direito da população de viver com o mínimo de dignidade, ar puro, comida sem veneno, água potável e uso racional dos recursos naturais”, acrescenta a nota de repúdio.


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
banner oferta do dia ac24h

Últimas Notícias