Pesquisar
Close this search box.
1200 x 250 agnot

Perna humana é encontrada por pescador às margens do Rio Acre

whatsapp image 2024 06 21 at 02.44.40

Uma perna humana foi encontrada na noite desta quinta-feira, 20, às margens do Rio Acre, na Rua do Passeio, no bairro Taquari, no 2° Distrito de Rio Branco.


Segundo informações da Polícia, a perna foi encontrada por um pescador, que estava em uma canoa passando pelo local.


A Polícia Militar foi acionada via COPOM, uma guarnição se deslocou até ao endereço e confirmou a informação recebida e a área foi isolada para os trabalhos do Perito em criminalística.


De acordo com a Polícia Civil, a perna pode pertencer a uma mulher identificada apenas como Vanessa, que estava sendo monitorada por tornozeleira eletrônica e era usuária de entorpecentes. Vanessa foi sequestrada junto com um homem na última segunda-feira, 17, e ambos foram submetidos ao “tribunal do crime”, sendo sentenciados à morte por uma organização criminosa que controla o bairro Taquari.


A Polícia informou ainda que, investigações indicam que, após serem mortos, os corpos teriam sido enterrados em uma cova no barranco do Rio Acre.


Após a confirmação da morte de Vanessa, sua família iniciou uma campanha de oração na igreja para que o corpo fosse encontrado.


Integrantes da facção souberam da campanha, sensibilizaram-se e desenterraram Vanessa, jogando o corpo já em estado avançado de decomposição às margens do rio. A Polícia acredita que Vanessa estava morta há cerca de quatro dias e suspeita-se que um animal, possivelmente um jacaré, tenha arrastado o corpo para dentro do rio, deixando a perna direita no barranco.


A Polícia Civil notificou o Corpo de Bombeiros, que iniciou buscas na área para localizar o restante do corpo de Vanessa. Além disso, investigações estão em andamento para encontrar o corpo do homem supostamente enterrado na região e identificar os responsáveis pelo duplo homicídio.


Agentes de Polícia Civil da Equipe de Pronto Emprego (EPE) coletaram as primeiras informações no local, e o posterior o caso ficará a disposição da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
posto village ezgif.com gif to avif converter

Últimas Notícias