Pesquisar
Close this search box.
23.1 digital master super banner pmrb rbo do futuro 2024

Cruzeiro supera o Vitória no Mineirão com recado da torcida para Ronaldo Fenômeno

matheus pereira cruzeiro e1714336421962
Matheus Pereira comemora o primeiro gol do Cruzeiro contra o Vitória Staff Images / Cruzeiro

O Cruzeiro encerrou o jejum e voltou a vencer na temporada. Na tarde deste domingo (28), o time celeste venceu o Vitória por 3 a 1, no Mineirão, em partida da quarta rodada do Campeonato Brasileiro.


Os gols da equipe da casa foram marcados por Matheus Pereira, Rafa Silva e Arthur Gomes, com Lucas Silva fazendo contra a favor dos visitantes.


Com o triunfo em cima dos baianos, o Cruzeiro, além de manter a invencibilidade jogando em casa na competição, encerrou uma sequência negativa de três jogos. Contando o Brasileirão e a Copa Sul-Americana, a equipe comandada por Fernando Seabra não vencia desde a estreia no Certame Nacional, quando fez 3 a 2 no Botafogo, também no Mineirão.


Antes da partida, torcedores do Cruzeiro estamparam uma faixa com os dizeres “tchau, Ronaldo” no Mineirão. A manifestação veio um dia antes da provável assinatura da venda da SAF para o empresário Pedro Lourenço.


A vitória neste domingo também aumenta a estatística de triunfos do Cruzeiro no mês de abril, o mais intenso da equipe desde o começo do ano. Em nove jogos, o time azul venceu duas vezes (ambas pelo Brasileirão), empatou quatro (três na Sul-Americana e um no Brasileiro) e perdeu duas vezes (uma no Campeonato Mineiro e outra no Brasileiro).


Com o resultado, o Cruzeiro chega à quinta colocação de forma provisória na competição, com sete pontos em quatro jogos (58% de aproveitamento).


Próximo jogo: semana cheia para trabalhar

Sem calendário até o próximo sábado (4 de maio), o Cruzeiro terá a primeira semana cheia de trabalhos com o técnico Fernando Seabra. O treinador poderá treinar por mais tempo e acertar os erros, além de apurar as qualidades do elenco cruzeirense.


O Cruzeiro só volta a jogar no sábado (4), contra o Internacional, também no Mineirão, às 21h (de Brasília), Em favor do time celeste, não haverá viagem também nesta semana, o que potencializará os treinos na Toca II.


O jogo

O primeiro tempo foi de domínio do Cruzeiro. O time de Fernando Seabra teve mais posse de bola, e, consequentemente, mais oportunidades de gol. No entanto, a pontaria não ajudava. Foram várias chances desperdiçadas, mas com um futebol que voltava a animar o torcedor.


O time jogava ofensivamente, criava as oportunidades, envolvia o adversário, faltava só o gol para coroar a atuação, que era boa. Mesmo tentando bastante, o placar na etapa inicial ficou 0 a 0.


Veja os melhores momentos

 


Justamente na segunda etapa, logo no começo, o Cruzeiro deu o seu cartão de visitas. Matheus Pereira abriu o marcador aos 4 minutos, inflamando o torcedor estrelado.


Apesar do ímpeto ofensivo do Cruzeiro e de o time celeste ter conseguido a vantagem cedo, o empate do Vitória não demorou a acontecer.


Dois minutos depois, em um lance muito esquisito, o volante Lucas Silva tentou abaixar para evitar tocar na bola, após cruzamento de Osvaldo, mas de forma quase inexplicável fez gol contra.


O torcedor cruzeirense teve alguns minutos de desconfiança, mas Rafa Silva voltou a animar quem estava na arquibancada. Aos 12 minutos do segundo tempo, o Cruzeiro desempatou após o jogador tocar a bola com o bico da chuteira.


O terceiro gol, que deu tranquilidade ao time, veio com Arthur Gomes, aos 29 minutos, sacramentando a vitória cruzeirense.


Ronaldo vende SAF para Pedro Lourenço

O assunto do dia no Mineirão foi a venda da Sociedade Anônima de Futebol (SAF) do Cruzeiro. Ronaldo está repassando o clube para o empresário Pedro Lourenço, o que deixou o torcedor muito animado. À Itatiaia, vários cruzeirenses comemoraram o início das negociações e aguardam um desfecho positivo nas conversas.


O que a maioria dos torcedores espera é maior investimento no departamento de futebol, com a contratação de jogadores de mais qualidade.


Torcida dá ‘tchau’ para Ronaldo

Com a venda da Sociedade Anônima de Futebol (SAF) do Cruzeiro em andamento, Ronaldo foi alvo de protesto de parte da torcida. No setor amarelo superior do Mineirão, uma faixa com os dizeres: “Tchau Ronaldo” foi afixada na arquibancada.


A faixa ficou durante um tempo na divisória do setor superior e inferior no lado amarelo, perto de onde os integrantes da Torcida Fanati-Cruz (TFC) acompanham os jogos. O objeto foi retirado ao longo da partida.


Torcida agradece Pedrinho BH

Se parte da torcida abriu a faixa dando “tchau” para Ronaldo, outra parte agradeceu ao empresário Pedro Lourenço, dono da rede Supermercados BH.


Também no setor amarelo superior, mas no local onde ficam os integrantes da Máfia Azul, maior torcida organizada do Cruzeiro, uma faixa com os dizeres “Obrigado, Pedrinho” foi aberta no meio da arquibancada.


Pedro Lourenço, carinhosamente chamado de “Pedrinho” pelos cruzeirenses, vai firmar nesta semana o acordo de compra da SAF do Cruzeiro.


Cronologia do jogo

Aos 4 minutos do segundo tempo, Matheus Pereira abriu o marcador, após ficar na cara do gol e arrematar duas vezes: 1 a 0.


Aos 6 minutos, em um lance muito esquisito, Lucas Silva faz gol contra, após cruzamento de Osvaldo: 1 a 1.


Aos 12 minutos, Rafa Silva desempata o jogo para o Cruzeiro. Após cruzamento da esquerda, o atacante desviou com o bico da chuteira e acertou o canto esquerdo do goleiro do Vitória: 2 a 1.


Aos 30 minutos, Arthur Gomes tabelou com Álvaro Barreal e, em jogada individual, finalizou para marcar o terceiro: 3 a 1


Cruzeiro 3 x 1 Vitória

Cruzeiro

Anderson; William, Zé Ivaldo, João Marcelo e Marlon; Lucas Romero, Lucas Silva (Mateus Vital), José Cifuentes (Barreal) e Matheus Pereira (Neris); Arthur Gomes (João Pedro) e Rafa Silva (Rafael Elias)


Vitória

Lucas Arcanjo; Zeca, Bruno Uvini, Wagner Leonardo e Lucas Esteves; Willian Oliveira, Luan Vinícius (Léo Naldi), Matheusinho (Daniel Jr) e Mateus Gonçalves (Jean Mota); Osvaldo (Janderson) e Alerrandro (Léo Gamalho). Técnico: Léo Condé


Motivo: 4ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A


Data e horário: 28 de abril de 2024, às 16h (de Brasília)


Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)


Árbitro: Fabio Augusto Santos Sá Junior (SE)


Assistentes: Rodrigo Figueiredo H. Correa (FIFA) e Nailton Junior de S. Oliveira (FIFA)


VAR: Daniel Nobre Bins (VAR-FIFA)


Gols: Matheus Pereira (4′ 2ºT), Lucas Silva (contra, 6′ 2ºT), Rafa Silva (12′ 2ºT), Arthur Gomes (29′ 2ºT)


Cartão Amarelo: Zé Ivaldo (CRU)


Público: 20.083 presentes


Renda: R$ 620.905,00


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
23.1 digital master super banner pmrb rbo do futuro 2024

Últimas Notícias