Pesquisar
Close this search box.
Weather Data Source: El tiempo a 25 días

Conheça a Weg, a empresa brasileira que fez a bilionária mais jovem do mundo

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do Ecos da Notícias.​

A empresa equipamentos eletroeletrônicos Weg ganhou holofotes nesta terça-feira (2), após a Forbes divulgar que a brasileira de 19 anos Livia Voigt, neta do fundador da companhia, é a bilionária mais jovem do mundo.


Livia aparece na 9ª posição entre os mais ricos do país no setor de fabricação, mas o top 10 também tem outros nomes ligados à Weg.


“Fábrica de bilionários”

Fundada em 1961 em Santa Catarina pelo eletricista Werner Ricardo Voigt, o administrador Eggon João da Silva e o mecânico Geraldo Werninghaus, a Weg é uma das maiores fabricantes de equipamentos elétricos do mundo.


Com faturamento anual de R$ 32,5 bilhões em 2023, a Weg também aparece entre as maiores empresas de capital aberto do Brasil.


Começou como fabricante de motores elétricos e, a partir dos anos 1980, expandiu suas atividades com a produção de componentes eletroeletrônicos, produtos para automação industrial, transformadores de força e distribuição, tintas líquidas e em pó e vernizes eletroisolantes.


A companhia tem filiais em 37 países e fábricas em 15. Entre suas maiores concorrentes, estão a alemã Siemens e a francesa Schneider Electric.


Mais herdeiros bilionários

Além de Lívia, a Weg também tem outros 28 herdeiros bilionários — todos presentes na lista dos mais ricos do Brasil.


Entre os nomes, está o de Eduardo Voigt Schwartz, primo das irmãs Lívia e de Dora Voigt de Assis. Ele é um dos principais acionistas individuais da companhia e sua fortuna é avaliada em US$ 1,3 bilhão (R$ 6,5 bilhões, na cotação atual).


A irmã de Eduardo, Mariana Voigt Schwartz Gomes, tem a mesma fortuna.


Já Anne Werninghaus, neta de Geraldo Werninghaus, tem patrimônio de US$ 1,2 bilhão (cerca de R$ 6 bilhões).


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn

Últimas notícias

Últimas Notícias