Pesquisar
Close this search box.
Weather Data Source: El tiempo a 25 días

Em Xapuri, representante da Seagri empresta carro oficial do governo para a esposa

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do Ecos da Notícias.​

O representante da Secretaria de Agricultura do Estado em Xapuri (Seagri) Eliomar Soares, está sendo acusado de “emprestar” o carro oficial do governo para a esposa, Francisca da Silva, diretora de Agricultura e Pecuária da Secretaria Municipal da Floresta daquele município.


Um vídeo recebido pela redação do ac24horas mostra Francisca entrando numa camionete Hilux, de cor branca, adesivada pela Secretaria de Estado de Produção e Agronegócio. Junto da mulher, estão outras duas pessoas (veja o vídeo no fim da matéria). Segundo populares de Xapuri, não é a primeira vez que Francisca é vista dirigindo o veículo.


Para a reportagem, Eliomar disse que, em relação ao vídeo, sua mulher dirigiu a viatura do Estado para estar participando de uma ação de atendimento às pessoas vítimas da cheia do rio Acre, em Xapuri. “Minha esposa é diretora de agricultura do município, fazemos trabalho em parceria. Neste dia [das imagens], estávamos fazendo atendimento das pessoas que estavam desabrigadas. Ela saiu para atender uma solicitação”, afirmou.


Questionado sobre qual o termo de cooperação entre as instituições, já que foi alegada uma parceria entre o governo e o município para o empréstimo da camionete, Eliomar negou a existência do documento. “Não tem termo de cooperação, porque teria que ter um motorista. Mas foi uma ação emergencial e usamos a pessoa que tinha naquele momento, como é uma pessoa habilitada e em condições de fazer o transporte, não foi um uso de má-fé. Não é [um empréstimo de carro feito] a uma pessoa comum, é uma servidora pública habilitada. A intenção do registro [vídeo] é descredibilizar o meu trabalho. Agora, se dizem que isso é um fato rotineiro, que provem, que mostrem as imagens”, disse em sua defesa.


A diretora Administrativa e Financeira da Secretaria de Agricultura do Estado, que está vinculada ao setor de transporte, Temyllis Silva, negou que o Estado tenha orientado funcionários a disponibilizar veículos oficiais a órgãos municipais, com exceção das coordenações da Defesa Civil. “O que tenho conhecimento é que mandamos um barco e um caminhão para auxiliar nessa questão da alagação, e o caminhão que já estava lá deveria ter sido entregue à Defesa Civil. Desde que começou a alagação, o governador determinou que oferecêssemos tudo o que fosse necessário, mas diretamente à Defesa Civil dos municípios. Para qualquer outro tipo de empréstimo, a Prefeitura de Xapuri teria que ter feito uma solicitação formal aprovada pelo secretário de estado ou pelo responsável pelo setor de transportes”, disse.


Temyllis Silva afirmou ainda que vai tomar providências imediatas para esclarecer o assunto. “Vou pedir com urgência o diário de bordo do motorista, cujo preenchimento é obrigatório em todas as viagens, vou me inteirar dos fatos e para abrir um procedimento que vai averiguar essa situação, porque isso não pode acontecer”, afirmou.


VEJA O VÍDEO:



Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn

Últimas notícias

Últimas Notícias