Weather Data Source: El tiempo a 25 días

Justiça decreta prisão de homem suspeito de matar esposa grávida por sufocamento, em Rio Branco

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do Ecos da Notícias.​

A Justiça do Acre decretou a prisão de David de Oliveira Rodrigues, apontado como principal suspeito da morte de Luzia Costa, sua companheira, que estava grávia de 8 semanas. O crime aconteceu no dia 1 de janeiro deste ano, no bairro Conquista, em Rio Branco.


“Constam passagens dele por violência doméstica, outras agressões contra mulheres e outros crimes também. Após a morte, o corpo da Luzia foi encaminhado ao IML, o médico analisou e observou que foi morte por estrangulamento. Daí, a gente começou as investigações, ouvimos todo mundo, e o namorado foi indicado como suspeito”, disse a delegada Kelcinara Mesquita, da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), responsável pelo inquérito.


Um amigo da família, que não quis se identificar, disse à equipe da Rede Amazônica que o suspeito teria tentado forjar a morte da mulher, depois que o corpo foi encontrado: “Ele [o suspeito] escapou porque colocou um pacote de droga na cintura dela, para dizer que foi overdose. Foi por isso que ele escapou, e conseguiu fugir. Quando o filho dela a encontrou, ele disse que eles tinham usado droga e ela tinha sofrido uma overdose”.


David de Oliveira Rodrigues é considerado foragido.


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn

Últimas notícias

Últimas Notícias

plugins premium WordPress