Pesquisar
Close this search box.
cedimp otimizado ezgif.com gif to avif converter

Paciente que perdeu parte do rosto tem qualidade de vida restaurada em cirurgia bucomaxilofacial

img 0939 1024x624
Foto: Agnes Cavalcante/Fundhacre

A Fundação Hospital Estadual do Acre (Fundhacre) realizou nesta quarta-feira, 3, em Rio Branco, mais uma complexa cirurgia bucomaxilofacial para restabelecer a qualidade de vida de uma paciente. Moradora da zona rural de Assis Brasil, Lusicleide do Nascimento, de 28 anos, perdeu parte da mandíbula e maxilar após um acidente com arma de fogo.


Desde o ocorrido, ela passava por dificuldades em seu cotidiano. “Eu quase não consigo comer; coisa dura eu não como, só coisa bem molinha. [O acidente] foi em 2017, mas só ano passado comecei o acompanhamento aqui [na Fundação] e o atendimento foi bom, graças a Deus”, disse, pouco antes do procedimento, que durou cerca de três horas.


O cirurgião bucomaxilofacial Fabiano Conrado destacou como foi feito o procedimento. “Nossa querida paciente teve um ferimento de arma de fogo na mandíbula e na maxila, que ocasionou grande perda de tecido ósseo. Durante a cirurgia, conseguimos restabelecer o perímetro mandibular, trazendo de novo as funções mastigatórias, da fonação e deglutição, e oferecer, no final das contas, humanidade para ela, uma boa condição de vida, para que tenha normalidade no seu dia a dia. Esse é o objetivo do serviço da bucomaxilofacial hoje em dia: reestabelecer função e fazer com que essas pessoas tenham uma qualidade de vida bem melhor”, explicou.


Foto: Gleison Luz/Fundhacre

Pedro Arantes, outro cirurgião bucomaxilofacial que realizou o procedimento, reforçou que a Fundhacre está preparada para realizar casos complexos como o de Lusicleide. “A gente está aqui à disposição da população, à disposição de você, que precisa desse serviço. Hoje a gente conta com um serviço de ponta, equiparado a grandes centros do país”, destacou.


A Fundhacre é o maior complexo hospitalar do Acre e presta assistência médico-hospitalar em todos os níveis de atenção à saúde. Para ter acesso aos serviços, o cidadão precisa procurar inicialmente uma unidade básica de saúde (UBS), onde passará por avaliação médica e será encaminhado para a Fundhacre, se necessário.



Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
ba banner portal microcredito 960x100px mai24

Últimas Notícias