Pesquisar
Close this search box.
posto village ezgif.com gif to avif converter

Projeto de Lei quer estender validade de motocicletas de mototaxistas de 8 para 12 anos em Rio Branco

img 20240625 wa0044 1000x600
FOTO: JARDY LOPES

Durante a sessão desta terça-feira (25) na Câmara Municipal, o vereador Arnaldo Barros (Podemos) apresentou um Projeto de Lei Ordinária que visa alterar o inciso 2 do artigo 15 da Lei Municipal nº 2310, de 18 de dezembro de 2018, que regulamenta o serviço de mototáxi no município de Rio Branco. A proposta estende a validade das motocicletas utilizadas de 8 para 12 anos.


Segundo a matéria, a ampliação da validade das motocicletas de 8 para 12 anos tem como objetivo principal reduzir os custos operacionais dos mototaxistas, que muitas vezes enfrentam dificuldades financeiras para renovar seus veículos com frequência. “Estender o prazo de validade das motocicletas permitirá que os mototaxistas continuem suas operações com menos pressão financeira, sem comprometer a segurança e a eficiência do serviço. A exigência de substituição das motocicletas a cada 8 anos representa um custo significativo para esses profissionais”, diz trecho do projeto.


img 20240625 wa0043

FOTO: JARDY LOPES

O representante da categoria, Eriberto Gomes, afirmou que o projeto é importante e visa amenizar os impactos financeiros. “Estamos enfrentando a perda de recursos e muitos colegas não têm condições de comprar uma moto nova. Com essa mudança na lei, muitos mototaxistas serão favorecidos”, declarou.


A vereadora Lene Petecão (UB) defendeu os interesses da categoria e se comprometeu a votar favoravelmente, caso a proposta esteja dentro da legalidade. “Sempre fomos favoráveis a essa classe. Isso não é problema para nós e, se estiver dentro da legalidade, todos os vereadores vão aprovar essa propositura”, declarou Petecão.


O representante da categoria, Eriberto Gomes, afirmou que o projeto é importante e visa amenizar os impactos financeiros. “Estamos enfrentando a perda de recursos e muitos colegas não têm condições de comprar uma moto nova. Com essa mudança na lei, muitos mototaxistas serão favorecidos”, declarou.


A vereadora Lene Petecão (UB) defendeu os interesses da categoria e se comprometeu a votar favoravelmente, caso a proposta esteja dentro da legalidade. “Sempre fomos favoráveis a essa classe. Isso não é problema para nós e, se estiver dentro da legalidade, todos os vereadores vão aprovar essa propositura”, declarou Petecão.


 


img 20240625 wa0042

FOTO: JARDY LOPES

O vereador Arnaldo Barros pediu a colaboração dos colegas na aprovação do PL. “São 640 famílias que dependem desse serviço, eles são heróis de Rio Branco”, explicou.


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
posto village ezgif.com gif to avif converter

Últimas Notícias