Pesquisar
Close this search box.
cedimp otimizado ezgif.com gif to avif converter

Copa América: Panamá vira em cima dos EUA e embola Grupo C

foto: ascom 1
Tim Ream, zagueiro dos Estados Unidos (de branco) tenta evitar que Murillo, do Panamá parta para o ataque

O torcedor norte-americano esperava uma grande vitória dos Estados Unidos sobre o Panamá, nesta quinta-feira (27/6), na Mercedes Benz Arena, em Atlanta, pelo Grupo C da Copa América. Mas saiu muito frustrado. Com dez desde os 17 minutos do primeiro tempo – Weah expulso – e muito retrancado, viu o time rival, velho freguês na Concacaf, vencer por 2 a 1, de virada. Balogun fez um golaço para os americanos. Mas Blackman, ainda do primeiro tempo, e Fajardo aos 38 da etapa final viraram o jogo.


Dessa forma, o Panamá chega aos mesmos três pontos dos Estados Unidos. A segunda rodada do Grupo C da Copa América se completa com Uruguai e Bolívia, que se enfrentam ainda nesta quinta-feira. Na última rodada, o Panamá enfrenta a Bolívia enquanto os EUA jogam contra os uruguaios.


Estados Unidos com dez, sai na frente e leva empate


O Panamá surpreendeu. Afinal, conseguiu pressionar os Estados Unidos, quase marcando numa bicicleta de Barcenas no primeiro minuto. E teve a posse de bola mesmo diante de um time americano que, jogando em casa, preferiu se fechar. E isso ficou ainda mais nítido quando o atacante Weah agrediu Miller num lance fora da jogada e foi expulso. Ainda assim, os Estados Unidos conseguiram achar um belo gol aos 21 minutos, quando Balogun tabelou com Robinson pela esquerda e mandou belo chute de fora da área. Contudo, a justiça foi feita quatro minutos depois, Num lance meio confuso, Blackman trombou com a defesa. Entretanto, conseguiu manter a bola e chutou de fora da área sem chance para o goleiro Turner.


Panamá vira o jogo


No segundo tempo, nada mudou. O Panamá seguiu com muito mais posse (impressionantes 75%) e mais finalizações (encerrando o jogo com 13 a 6). Chegou a ter um pênalti, mas que acabou cancelado quando a arbitragem viu que Fajardo simulou falta de Carter-Vickers. O time americano raras vezes foi ao ataque nesta etapa (um chute de Pulisic, uma cabeçada de Pepi e nada mais). E de tanto dar espaço aos panamenhos, viu o rival virar o jogo. E num lance de jogadores que entraram no intervalo. Ayarza cruzou e Fajardo pegou de primeira, fuzilando o gol de Hovart (entrou na vaga de Turner no intervalo). No fim, Carrasquilla, destaque do Panamá, foi expulso por uma falta violenta por trás em Pulisic. Mas segurou a vantagem.


PANAMÁ 2X1 ESTADOS UNIDOS
3ª rodada do Grupo C da Copa América


Data: 27/6/2024


Local: Mercedes Benz Arena, Atlanta (EUA)


PANAMÁ: Mosquera; Murillo, Fariña, José Córdoba, Miller e Eric Davis; Blackman (Gondola, 14’/2ºT), Cristian Martínez (Ayarza, 30’/2ºT) e Carrasquilla; Bárcenas e Guerrero (Fajardo intervalo). Técnico: Thomas Christiansen


ESTADOS UNIDOS: Matt Turner (Hovart, Intervalo); Scally, Richards, Ream e Robinson; Reyna (Carter Vickers, Intervalo), Adams (Johnny, intervalo) e McKennie; Balogun (Pepi, 26’/2ºT), Timothy Weah e Pulisic. Técnico: Gregg Behalter


Gols: Balogun, 21’/1ºT (0-1); Blackman, 25’/1ºT (1-1). Fajardo, 38’/2ºT (2-1)


Árbitro: Ivan Barton (SLV)


Auxiliares: David Moran (SLV) Henri Pupiro (NIC)


VAR: Tatiana Guzman (NIC)


Cartões amarelos: Richards, Robinson (EUA); Guerrero, Fariña, Góndola (PAN)


Cartões vermelhos: Weah, (EUA, 17’/1ºT); Carrasquilla, (PAN, 42’/2ºT )


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
posto village ezgif.com gif to avif converter

Últimas Notícias