Pesquisar
Close this search box.
Weather Data Source: El tiempo a 25 días

Mapa do Turismo inclui 12 cidades do Acre na rota de viagens e ações do governo potencializam segmento

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do Ecos da Notícias.​

Das 22 cidades acreanas, 12 estão incluídas no Mapa do Turismo, ferramenta do governo federal que define a área – recorte territorial – a ser trabalhada prioritariamente pelo Ministério do Turismo no âmbito do desenvolvimento das políticas públicas.


A habilitação dos municípios teve parceria do governo do Estado, que trabalhou com o Fórum Empresarial de Inovação e Desenvolvimento do Acre, prefeituras, conselhos estaduais e municipais.


Serra do Divisor é um dos destinos mais procurados. Foto: Arquivo/Secom

Atualmente, há três rotas turísticas no estado do Acre registradas no Mapa: Caminhos da Revolução, que inclui os municípios Plácido de Castro, Porto Acre e Rio Branco; Caminhos das Aldeias e da Biodiversidade, com Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter, Rodrigues Alves e Tarauacá; e Caminhos do Pacífico, com Assis Brasil, Epitaciolândia e Xapuri.


A diretora de Turismo e Empreendedorismo do Acre, Sirlânia Venturin, destaca que muitas ações têm sido pontuais para fomentar o turismo em toda a região.


“Temos vivenciado uma expansão do turismo no Acre com o fortalecimento do Turismo de Base Comunitária (TBC) e do etnoturismo que destacam as ricas culturas indígenas e ribeirinhas e as belezas naturais da nossa floresta amazônica. O governo do Estado, por intermédio da Secretaria de Estado de Turismo e Empreendedorismo [Sete], tem atuado para fortalecer a atividade turística, promovendo os produtos em feiras e eventos nacionais e estaduais, acordos de cooperação, capacitação para melhoria dos produtos turísticos, captação de recursos para melhoria da infraestrutura de apoio, dando ênfase aos municípios que fazem parte do Mapa do Turismo Brasileiro. O nosso desafio é que o Acre seja reconhecido como um destino referência na região Norte para o Brasil e para o mundo”, pontua.


Este ano, pela primeira vez, os tradicionais festivais indígenas do estado foram incluídos no calendário oficial do estado, o que também deve aumentar ainda mais o número de turistas de acordo com cada programação.


Inclusive, até o dia 28 de março os municípios que constam no mapa estão em período de renovação. “Técnicos da Sete estão dando apoio e orientação para os interlocutores municipais para que as renovações sejam feitas no prazo e incentivando outros municípios a participar do Mapa”, destaca.


Mapa do Turismo no Brasil lista 12 cidades do Acre. Foto: Reprodução

Para fazer parte do mapa, os municípios devem atender os seguintes critérios, como dispor de uma secretaria ou departamento para o turismo; ter Lei Orçamentária; ter os prestadores de serviços turísticos de atividade obrigatória regulares no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur) a exemplo de meios de hospedagem, guias, agências de viagens e outros; ter o Conselho Municipal de Turismo ativo; assinar um termo de compromisso com o Programa de Regionalização do Turismo (PRT); e preencher o formulário digital com as atividades turísticas dos municípios.


O município que não estiver inserido no mapa e tiver interesse em entrar, a Secretaria, por meio da equipe do Turismo, está à disposição para orientar e apoiar as prefeituras nesse processo.


O Mapa do Turismo Brasileiro é uma ferramenta muito importante que contribui para o desenvolvimento do turismo local. Os municípios integrantes podem receber uma série de benefícios por meio do Ministério do Turismo, como: fazer parte de políticas públicas, receber recursos para a realização de obras de infraestrutura e obter capacitação mediante oferta de qualificação profissional.


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn

Últimas notícias

Últimas Notícias