Weather Data Source: El tiempo a 25 días

CBF oficializa Dorival como 9° técnico da Seleção Brasileira no século; veja lista

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do Ecos da Notícias.​

Dorival Júnior é o novo técnico da Seleção Brasileira. A CBF anunciou oficialmente nesta quarta-feira (10) o ex-comandante do São Paulo para o cargo. Ele vai ser o 9º treinador da “amarelinha” no século 21.


Desde 2001, grandes nomes já estiveram no comando do Brasil. Emerson Leão foi o treinador antes de Felipão assumir, em 2002, e conquistar a Copa do Mundo.


Durante esse período, após a saída de Felipão, Zagallo foi técnico do Brasil em um jogo, em novembro de 2002. Foi um amistoso contra a Coreia do Sul realizado para ser uma despedida do Velho Lobo pela Seleção Brasileira (e também de Hong Myung-bo, um dos maiores jogadores do futebol asiático em todos os tempos). Essa passagem não será contabilizada nessa lista.


Parreira voltou à Amarelinha em 2003 e ficou até 2006, quando foi eliminado pela França por 1 a 0 nas quartas de final com gol de Thierry Henry na Copa do Mundo na Alemanha. Naquele ano, Dunga assumiu e permaneceu até ser eliminado pela Holanda, também nas quartas, na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul.


Mano Menezes assumiu em 2010, mas não chegou a disputar uma Copa do Mundo e foi demitido pela CBF em 2013. Luis Felipe Scolari voltou naquele mesmo ano até sofrer o 7 a 1 na semifinal da Copa de 2014, no Brasil.


Dunga assumiu novamente naquele ano e ficou até 2016, quando Tite foi o escolhido para exercer a função. O atual técnico do Flamengo ficou seis anos no cargo e disputou duas Copas do Mundo.


Em 2018, foi eliminado pela Bélgica nas quartas de final por 2 a 1. No ano seguinte, foi campeão da Copa América. No Mundial do ano passado, perdeu nos pênaltis para a Croácia, também nas quartas, após empate em 1 a 1 e deixou a Seleção.


Neste ano, Ramon Menezes e Fernando Diniz comandaram a Amarelinha como interinos.


Técnicos da Seleção Brasileira no século 21

  • •2001 – Emerson Leão – 9 jogos
  • •2001/2002 – Felipão – 26 jogos
  • •2003 a 2006 – Parreira – 56 jogos
  • •2006 a 2010 – Dunga – 60 jogos
  • •2010 a 2012 – Mano Menezes – 33 jogos
  • •2013/2014 – Felipão
  • •2014 a 2016 – Dunga
  • •2016 a 2022 – Tite
  • •2023 – Ramon Menezes (interino) – 3 jogos
  • •2023 – Fernando Diniz (interino) – 6 jogos

Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn

Últimas notícias

Últimas Notícias

plugins premium WordPress