Weather Data Source: El tiempo a 25 días

Após torcida pelo Palmeiras, diretoria do Cuiabá toma atitude ‘drástica’ com Deyverson

O Palmeiras foi o campeão da Supercopa do brasil em cima do Flamengo. Em um jogo bastante emocionante, o verdão conseguiu sair atrás do placar e a partida terminou em 4 a 3. Ainda assim, o evento ficou marcado pela rivalidade entres as equipes.


Um dos ‘personagens’ é o atacante Deyverson, que atuou no Palmeiras e foi responsável pelo gol do título da Libertadores de 2021, também em cima do rubro-nego.


A principio, o atleta não se calou e disparou  e provocou o Urubu novamente, imitando o gesto de comemoração do colega Gabigol.  “Vai falar: o Deyverson quer zoar, já saiu do Palmeiras. Mas fazer o quê? Vocês ainda sangram. E a cor do sangue é vermelho, a cor de vocês. Tem que chorar, tem que sangrar. É isso e aquilo, fez dois gols, é isso (faz o gesto de Gabigol), é ídolo sei lá da onde… É ídolo, mas não está ganhando nada, nada! Não levanta “trofele” (troféu). Os flamenguistas vão me xingar, vão ficar bravos: “Ah, o Palmeiras não investiu, não vai ganhar”. Está aí! Sou do Rio, amo o Rio, mas não vai ter festa no Rio. Festa em São Paulo, esquece!”


Pode deixar o clube?

Contudo, a notícia não foi bem isto pela diretoria do Cuiabá, time em que Deyverson defende. Segundo o jornalista Gabriel Amorim, o clube multou o atacante, que não está nada contente e não descarta uma rescisão do seu contrato.


Na última temporada, o jogador participou de 16 jogos, sendo 15 como titular, marcando 6 gols, sendo peça fundamental para a luta contra o rebaixamento.


Somos Fanáticos Brasil


 


 


Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn

Últimas notícias

Últimas Notícias

plugins premium WordPress